Mesmo com suspensão da partida contra o Náutico, delegação do 'Belo' vai ao Nazarenão - Rádio Arara FM 87,9

Mesmo com suspensão da partida contra o Náutico, delegação do 'Belo' vai ao Nazarenão

A polêmica envolvendo o Botafogo da Paraíba continua, agora com a suspensão da partida que estava marcada para ocorrer contra o Náutico na noite desta segunda-feira (27), no Estádio Nazarenão, em Goianinha, na Grande Natal, no Rio Grande do Norte. A decisão parte de um ofício divulgado pelo diretor de competições da Confederação Brasileira de Futebol, Virgílio Elísio, na tarde desta segunda (27). A nova data para a partida ainda será definida.
A disputa iria ocorrer pela terceira rodada da Copa do Nordeste e havia sido transferida para o Rio Grande do Norte depois da interdição do estádio Almeidão, que está em reformas e também foi palco de confusão entre as torcidas do Belo e do Sport Recife, na estreia da Copa do Nordeste.
A Assessoria Jurídica da Federação Paraibana de Futebol havia informado na tarde desta segunda-feira (27) que recebeu a notificação com a decisão liminar da juíza do Tribunal de Justiça, Lilian Correia Cananea, e enviou para a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) e Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD). 
A decisão da Justiça Comum paraibana determinou que os jogos com mando de campo do Botafogo da Paraíba sejam realizados no estádio Almeidão, na Capítal paraibana.
De acordo com o Jurídico da FPF, foram impetradas duas ações de torcedores, a do vereador de João Pessoa, Renato Martins (PSB), e do torcedor Diego Alves de Lima.
Além das notificações encaminhadas para a CBF e o STJD, a FPF divulgou também a defesa em relação a liberação dos estádios paraibanos para as competições nacionais.
De acordo com a FPF, a liberação aconteceu após reuniões com o Ministério Público da Paraíba, que considerou o estádio em condições de jogo, junto com a Polícia Militar e o Corpo de Bombeiros da Paraíba.
A Federação diz ainda que o causador dos problemas de segurança foi a torcida visitante, do Sport de Pernambuco, segundo relatório da Polícia Militar. A entidade fala também que os laudos sobre o estádio paraibano ainda estão em vigor na CBF.
Time se preparou e estava à caminho do Rio Grande do Norte
Apesar da liminar concedida pela Justiça comum para trazer o jogo de Belo e Náutico de volta para o estádio Almeidão, em João Pessoa, a assessoria de comunicação do Botafogo da Paraíba havia informado na tarde desta segunda-feira (27) que a partida estava marcada para ocorrer em Goianinha, região metropolitana de Natal, no Rio Grande do Norte, nesta segunda-feira (27).
A confusão envolvendo o Botafogo da Paraíba e a interdição do estádio Almeidão ocorreu após a partida entre o Belo e o Sport Recife, na estreia da Copa do Nordeste, quando a torcida do time pernambucano foi acusada de enfrentar a polícia.
O julgamento do caso ocorre nesta quarta-feira (29), às 16h, no plenário do STJD, no Rio de Janeiro/RJ, conformeedital publicado no site da CBF.
A Delegação do Botafogo foi ao Estádio José Nazareno do Nascimento, O Nazarenão, em Goianinha, na tarde desta segunda-feira (27), como determinou a Confederação Brasileiro de Futebol (CBF).

Assim como a delegação do alvinegro da estrela vermelha, a arbitragem também se fez presente ao local do confronto diante do Náutico. O árbitro Suelson Diorgenes de França Medeiros (RN), os assistentes Ubiratan Bruno Viana (RN) e Francisco Jailson F. da Silva, além do quarto árbitro José R Albuquerque Soares (PB) e o assessor Miguel Felix de Oliveira foram ao gramado onde receberam a notificação.
Fonte : Portal Correio
Share on Google Plus

About Sejam bem vindos à Rádio Arara FM

0 comentários:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.